domingo, 21 de junho de 2015

Vaso-bola-de-futebol no arado

Há muitos anos que tenho um arado que era dos meus avós, e que andava cá por casa ainda sem um sítio específico, tendo mesmo chegado a estar em vários sítios diferentes. Não gostava de o ver pousado em cima da relva, pois esta depois crescia e era complicado cortá-la. Tinha de deslocar o arado, que até é pesado, e depois do trabalho feito, recolocá-lo no sítio onde estava. Nunca me pareceu um processo muito prático. 

Tinha então ideia de o colocar em cima de qualquer coisa, uma pedra por exemplo, ou outra qualquer estrutura, e assim desta forma já poderia muito mais facilmente cortar a relva sem ter de mexer naquela peça rústica que depois de pintado por mim ali ficaria no mesmo sítio a servir de decoração. 

Até que arranjei uma pedra de laje, relativamente grande, pesada e bastante sólida, e que logo me pareceu a peça ideal para servir de apoio ao arado. Escolhido o sítio, que me permitisse facilmente passar com o corta-relva em torno da pedra, limitei-me a deixá-la cair sobre a relva, e a posicionar o arado na posição que me pareceu ficar melhor. E ali ficou o arado no seu local definitivo. 

Entretanto este fim-de-semana reparei que a suculenta que coloquei numa bola de futebol que improvisei como vaso, já estava demasiado comprida e a precisar ser colocada num outro sítio, ou suspensa, Então e por que não colocar o vaso-bola-de-futebol em cima do arado? Experimentei e acho que até nem resultou muito mal.









Sem comentários:

Enviar um comentário