segunda-feira, 20 de julho de 2015

Como plantar graminha

Já por aqui escrevi várias vezes sobre esta relva, que foi a que escolhi para as minhas áreas relvadas, mas na verdade nunca escrevi como se planta, pois parece-me demasiado evidente. Mas na verdade já várias pessoas me têm perguntado como é que se planta, e questionam-me também qual a distância que se deve deixar entre cada pé. Então aproveitei que andei este ano a plantar nas traseiras de casa, e tirei umas fotografias, até para se ver como evolui.

E na verdade eu comecei a plantar e fiz da forma que me pareceu melhor, mais lógica, não sei se é o método melhor, mais prático, mais correto, mas é assim que faço, com a experiência que adquiri. Então é assim, eu por norma arranco a graminha e depois corto de dois em dois elos (ou mais) e com boa raiz, para garantir que vai pegar de certeza.

Pés de graminha (Stenotaphrum secundatum)




Depois então é pegar num pequeno sacho ou colher de jardineiro, ou outra qualquer ferramenta que seja apropriada, e é cavar e enterrar os pés de relva, como se fôssemos plantar outra coisa qualquer. Cava-se, coloca-se o pedaço de relva, e cobre toda a parte da raiz. Simples. 

A distância que deixo entre os pés, será talvez entre 10 e 15cm, não é preciso medir, coloca-se a olho. Mas já se sabe, quanto mais junto colocarmos os pés, mas rapidamente o relvado fechará, mas por outro lado precisaremos de mais quantidade; se deixarmos os pés mais afastados entre si, não precisaremos de tantos pés, mas demorará mais tempo a fechar. 






Depois de plantada, rega-se muito bem, e convém regar bem nos dias seguintes até pegar, e esta tarefa é mais importante ainda se estivermos no verão. Se estivermos na primavera e com algumas chuvas nem é preciso regar, a chuva fá-lo naturalmente. E nesta fase do transplante não se deve adubar. É deixar os pedaços de graminha agarrarem-se à terra e começarem a crescer naturalmente. 

Podemos ver aqui um pedaço de terra onde foi plantada graminha no final de abril... 




...e em meados de julho já quase fechou completamente e poucos espaços de terra se vêem.




E estamos a falar de dois meses e meio. Por norma eu costumo dizer que em quatro meses a terra o relvado quase fica completamente pronto, mas também vai depender da distância a que os pés foram colocados, e de outros fatores, mas regra geral, em quatro meses o relvado de graminha está quase pronto.

Mais sobre a graminha aqui no blogue:




P.S: Tenho desta relva Santo Agostinho para venda, em caso de interesse contacte por e-mail ou deixe comentário. 


Sem comentários:

Enviar um comentário