terça-feira, 21 de março de 2017

Bonsai: Transplante Romãzeira

A minha senda dos transplante dos pré-bonsais (que já se deveria ter iniciado há algumas semanas) terminou por agora, com o transplante de uma romãzeira que propaguei da árvore que tenho no jardim.



Inicialmente a pequena romãzeira esteve num garrafão de água que improvisei como vaso, mas depois, percebendo que as raízes se estavam a alongar, e até para que o tronco pudesse engrossar mais um pouco, retirei o fundo, e coloquei, com plástico e tudo, dentro dum vaso de 20L, como se pode ver na imagem seguinte, já sem o vaso exterior.


Mais uma vez transplantei a pequena árvore para um vaso decorativo, que não um vaso de bonsai, porque não os tenho do tamanho que precisaria e teria de comprar, e de momento essa não é a prioridade. A seu tempo depois tentarei comprar, novos ou até usados, porque os vasos de bonsai são um pouco caros, e para quem, como eu, está sempre a inventar, a coisa começa a não ficar barata

O substrato também improvisei com o que tinha à mão, mas nós mesmos podemos tentar fazê-lo, misturando diversas coisas como composto orgânico, terra preta, areão ou argila, mas indo sempre de encontro ao que a árvore prefere.  Quem tem um dois bonsais, se calhar não justifica, mas quem gosta de fazer muitos projetos como eu, então pode-se poupar algum dinheiro. E com esta romãzeira, tenho agora nove "bonsais" improvisados por mim, e certamente não ficarei por aqui!

Sem comentários:

Enviar um comentário